• Mapeamento
  • CADASTRO ESTADUAL DE ENTIDADES SOCIOAMBIENTALISTAS
  • Revista 4
  • Bahia Rural

Mapeamento de Experiências Socioambientais do Estado da Bahia

Apresentação

No Estado da Bahia existe uma riqueza de conhecimentos, bem como de projetos e ações voltadas às questões socioambientais desenvolvidos por diferentes sujeitos e grupos sociais que, em sua maior parte, não são conhecidos. Nesse sentido, o Mapeamento de Experiências Socioambientais dos Territórios de Identidade tem por objetivo principal identificar, reunir, divulgar, integrar e sistematizar informações de ações e experiências socioambientais voltadas à sustentabilidade existentes no Estado num banco de dados.  É um movimento inicial de conhecer o que se faz, quem faz e onde ocorrem as experiências sociais com vistas à sustentabilidade ambiental para, a partir daí, estabelecer as ações políticas que garantam a articulação, o empoderamento e sua divulgação. 

Objetivos

  • Dar visibilidade às diversas experiências socioambientais que vem sendo desenvolvidas no Estado da Bahia.
  • Possibilitar o conhecimento, intercâmbio e troca de experiências inter e intra-territoriais.
  • Subsidiar a formulação de políticas e programas socioambientais.
  • Disseminar informações socioambientais de experiências que possam ser replicadas em diversos contextos.

Realização

Atualmente, a atividade do mapeamento é realizada através de convênio com a Universidade Estadual de Feira de Santana – UEFS, com abrangência em 14 territórios (Irecê, Velho Chico, Chapada Diamantina, Sisal, Bacia do Jacuípe, Sertão São Francisco, Bacia do Paramirim, Piemonte do Paraguaçu, Piemonte da Diamantina, Semiárido Nordeste II, Portal do Sertão, Piemonte Norte do Itapicuru, Itaparica, Agreste de Alagoinhas/Litoral Norte); convênio com a Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia – UESB, com abrangência em 06 territórios (Baixo Sul, Médio Sudoeste, Vale do Jequiriça, Vitória da Conquista, Médio Rio de Contas, Sertão Produtivo); Projeto Cerrado, sendo a ação do mapeamento executada pela equipe técnica da SEMA, com abrangência em 02 territórios (Bacia do Rio Corrente e Bacia do Rio Grande); e através de execução direta da DIEAS/SEMA com abrangência  no território RMS.

Cadastramento de Experiências

Para que o Mapeamento de Experiências Socioambientais seja uma referência estadual na identificação de experiências voltadas à sustentabilidade é importante que se mantenha vivo e atualizado. Nesse sentido, o banco de experiências precisa ser ampliado, de modo que diversas experiências e Territórios de Identidade sejam contemplados com o mapeamento. Assim é fundamental a sua participação, que tem envolvimento com o tema, contribuir para que esta ferramenta se consolide.

Cadastre aqui sua experiência. 

 

Cadastrar Consultar Mapa
Recomendar esta página via e-mail: