• Orientações Covid 19
  • .
  • .

Notícias

02/04/2020 19:10

Governo recebe doação financeira para combater o Covid-19

Os produtores rurais baianos, através da Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa) e a Associação de Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba), anunciaram um investimento de R$ 1,15 milhão para ajudar no enfrentamento à pandemia do Coronavírus. Para o vice-governador João Leão, secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado, essa notícia, somada à alta produtividade agrícola deste ano na região Oeste, é de vital importância para o povo baiano.

"Essa atitude mostra a sensibilidade dos produtores do Oeste em ajudar os baianos e baianas a enfrentarem o coronavírus, mas também destaca o crescimento exponencial da economia da região. A nova fronteira agrícola vai do Oeste até o Médio São Francisco, onde teremos um desenvolvimento estratégico após superarmos essa pandemia", disse Leão. 

A Abapa destinou um total de R$ 500 mil em compras de insumos e equipamentos de proteção individual básicos para profissionais de saúde. As doações foram realizadas diretamente para as secretarias de Saúde dos municípios ligados à atividade agrícola no Oeste da Bahia. Será destinado ainda até R$ 100 mil para aquisição de toalhas 100% algodão, que serão doadas ao Governo do Estado, para os hospitais e unidades hospitalares em toda a Bahia.

Ainda em fase de implantação, os produtores rurais, por meio da associação, vão investir até R$ 400 mil na aquisição de equipamentos e insumos para a instalação de um laboratório de testagem para o Coronavírus - Covid-19 pela Universidade Federal do Oeste da Bahia (UFOB). O objetivo é apoiar, emergencialmente, as secretarias de saúde da região para agilizar os testes de casos suspeitos, que atualmente são realizados no Laboratório Central em Salvador. 

O Instituto Aiba (Iaiba) arrecadou em apenas 24 horas cerca de R$ 150 mil, montante que será usado na compra de respiradores, monitores cardíacos multiparamétricos, ventiladores mecânicos, aspiradores portáteis, entre outros equipamentos que serão utilizados tanto pelos pacientes acometidos pela Covid-19 quanto por pacientes portadores de outras patologias. 

Este ano, a previsão de produtividade de algodão no Oeste da Bahia é de 315 arrobas por hectare, um aumento de 5% em relação ao ano anterior. A produção de soja em 2020 deve superar a do ano passado, com 5,8 milhões de toneladas. A previsão é que a produtividade seja de aproximadamente 60 sacas por hectare, representando 7,14% em relação a 2019. O crescimento também deve ser verificado na cultura do milho, na região, chegando a 165 sacas por hectare e 1,6 milhão de toneladas.

ASCOM/SDE
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.