• Bahia estado voluntário
  • .
  • .

Notícias

17/12/2019 20:10

Comunidade de Cajazeiras desenvolve plano de ação ambiental para o bairro

O ciclo de encontros para promoção de ações de educação socioambiental no bairro de Cajazeiras teve seu encerramento na tarde desta terça-feira (17), no Colégio Estadual Edvaldo Brandão. Ao todo, foram realizadas cinco oficinas visando levantar de forma participativa a problemática ambiental do bairro e suas correlações com a saúde, educação, cultura e socioeconomia. A atividade, realizada pela Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema), em conjunto com a Secretaria de Educação (SEC), integrou as ações do Festival Literário Nacional em Cajazeiras (Flin), realizado em novembro deste ano.

Como resultado, o grupo apresentou o Plano de Ação Comunitário, com propostas de ações estratégicas para o enfrentamento às questões socioambientais do bairro, tais como: Educação Socioambiental: sensibilização sobre consumo consciente, matérias, modo de produção e reaproveitamento; reflexão sobre os cuidados com o ambiente interno e externo, individual e coletivo; capacitação em Educação Ambiental para os gestores escolares, empresas e líderes comunitários; orientações sobre práticas de plantio relacionado à agrofloresta; e realização de palestras sobre conservação das matas.

O plano está previsto para ser realizado a partir de março de 2020, com datas e parceiros definidos para cada ação, que envolve comunidade escolar, organizações não governamentais, associações e lideranças comunitárias e entes públicos.

“Dentro do projeto Cajazeiras - Árvore da Cidadania, desenvolvido pela Sema durante o Flin, nós conseguimos realizar algumas entregas importantes para a comunidade, a exemplo do Mapeamento das Nascentes de Cajazeiras, que apresenta a rede de drenagem natural do bairro e a identificação de alguns lugares de valor simbólico para os moradores locais, e, concluindo hoje, o Plano de Ação Comunitário, elaborado com a participação de diversos atores dessa comunidade. Cajazeiras ganha um plano de ação vinculado à Educação Ambiental e tendo como com base os Objetivos do Desenvolvimento do Milênio (ODM)”, afirmou o diretor de Educação Ambiental da Sema, José Carlos.

Convergindo com as questões apresentadas, o ativista ambiental, André Alcântara, integrante da Organização Ambiental e Cultural de Cajazeiras (Cajaverde), apresentou a Carta Socioambiental de Cajazeiras e Adjacências, também elaborada por meio de uma construção coletiva, entre os meses de outubro e novembro deste ano. “Motivados pela realização do Flin em Cajazeiras, nos mobilizamos para a construção de um documento que fosse capaz de apresentar as diversas percepções, tanto da sociedade civil, quanto de órgãos públicos e empresas privadas, sobre o nosso bairro. Como resultado, apresentamos hoje a carta socioambiental de Cajazeiras, que aborda os desafios a serem superados para o ordenamento territorial e as demandas socioambientais de Cajazeiras e adjacências”, explicou André.

Para a representante do Centro Espírita Raio de Luz e da Associação Recreativa Fazenda Grande III, Raquel Miranda, o sentimento agora é de realização. “Esta é uma grande conquista para nós de Cajazeiras, principalmente das pessoas que lutam pelo meio ambiente há muito tempo. Agora é colocarmos em prática as propostas apresentadas no Plano, que convergem com as percepções de diversos atores do nosso bairro”, falou.

No encerramento do encontro, foram entregues os certificados para os participantes e distribuídos materiais de educação socioambiental para as instituições representadas.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.