• Cefir nos municípios
  • .
  • .
  • Bahia estado voluntário
  • Bahia estado voluntário

Notícias

22/10/2019 20:50

Governo e União se reúnem para mais uma rodada de discussões sobre óleo nas praias

O vice-governador João Leão representou o governador Rui Costa na reunião com o ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, que aconteceu na tarde desta terça-feira (22), no Comando do 2º Distrito Naval, no bairro do Comércio, em Salvador. No encontro, foram cobradas medidas mais efetivas do Governo Federal, para além da limpeza das praias.

“A união entre os órgãos neste momento é fundamental para tentarmos solucionar os problemas que estamos enfrentando. Acredito que o mais importante é descobrir de onde está vindo o óleo. Desta maneira poderemos buscar medidas que evitem a chegada de novas manchas em regiões mais sensíveis”, destacou João Leão.

Para o secretário estadual do Meio do Ambiente, João Carlos Oliveira, além das ações de limpeza e retirada do produto nas praias, as atenções do Governo estão voltadas para a proteção dos estuários. “Queremos uma posição e uma resposta de como os nossos estuários e manguezais serão protegidos. Estamos falando de uma região onde o turismo se configura como base econômica, com milhares de pessoas que dependem direta e indiretamente desse ambiente marinho, seja para alimentação ou para geração de renda. Portanto, continuaremos cobrando medidas efetivas para manter o óleo afastado destes locais. Não podemos nos ater apenas ao trabalho de limpeza das praias, é preciso mais”, pontuou o secretário.

De acordo com o ministro da Defesa, a operação, que está sendo liderada pela Marinha, está dividida em três pontos. “Temos a parte das investigações, para saber a origem desse desastre; a contenção do óleo, para evitar o avanço em outras áreas; e a parte de controle de danos das praias afetadas”, explicou Fernando, citando que 15 navios da Marinha estão focados na operação, com a atuação de 1.500 homens.

Morro de São Paulo

As manchas que chegaram nesta terça a Morro de São Paulo e o ministro da Defesa informou que nos locais que vivem, exclusivamente, em função das praias, as medidas de limpeza se tornam mais urgentes. “Nós estamos trabalhando nesses locais, de imediato. Hoje, a Marinha enviou um barco com 50 homens para lá”, afirmou Fernando Azevedo.

Também participam da reunião o chefe de Gabinete da Casa Civil, Carlos Mello; o superintendente da Defesa Civil do Estado, Paulo Sérgio Menezes; e a diretora-geral do Inema, Márcia Telles; entre outros representantes do Governo do Estado e da União.

Repórter: Lina Magalí/Secom
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.