• Cefir nos municípios
  • .
  • .
  • Bahia estado voluntário
  • Bahia estado voluntário

Notícias

01/08/2019 11:40

Educação ambiental é tema de debate no Extremo Sul do Estado

Para dialogar sobre ideias e possibilidades na área da educação ambiental (EA), gestores municipais do Território do Extremo Sul da Bahia e membros do Comitê de Bacias Hidrográficas dos Rios Peruípe, Itanhém e Jucuruçu se reuniram nesta quinta-feira (10), em Teixeira de Freitas. A abertura do evento contou com a participação do secretário estadual do Meio Ambiente (Sema), João Carlos Oliveira.

Durante todo o dia, os presentes debateram caminhos para efetivação da gestão da educação ambiental no espaço das bacias hidrográficas, das unidades de conservação, do Território de Identidade e dos municípios. Na oportunidade, a Sema apresentou a Gestão da Educação Ambiental no Estado da Bahia – Caminhos, reflexões, avanços e desafios.

“Saímos da reunião com alguns encaminhamentos do que o Território quer para educação ambiental e de como esse coletivo pode se organizar para planejar e executar as estratégias compartilhadas. Discutimos a importância do mapeamento de experiências socioambientais, pois o primeiro passo é conhecer o Território, para depois elaborarmos ações efetivas”, ressaltou a coordenadora de Educação Ambiental da Sema, Zanna Matos.

Ações no Extremo Sul da Bahia -  A Sema dá apoio aos municípios do estado, através do programa Gestão Ambiental Compartilhada (GAC). Entre as estratégias que o programa usa para prestar o apoio está a celebração de convênios com os consórcios públicos intermunicipais. Para promover o fortalecimento das atividades de gestão ambiental no Extremo Sul foi celebrado em 2018 um convênio com o Consórcio Construir, que atende os municípios de Alcobaça, Caravelas, Ibirapuã, Itamaraju, Itanhém, Jucuruçu, Lajedão, Medeiros Neto, Mucuri, Nova Viçosa, Prado, Teixeira de Freitas e Vereda. 



Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.