• Cefir nos municípios
  • .

Notícias

04/06/2019 11:20

Governo do Estado lança o Mapeamento da Cobertura Vegetal da Bahia

Durante o evento de assinaturas de decretos e lançamentos de projetos que acontece na próxima quarta-feira (05/06), às 15h, no Salão de Atos da Governadoria, visando o fortalecimento da gestão ambiental no estado, o governador Rui Costa lança a portaria conjunta entre a Secretaria do Meio Ambiente (Sema) e o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), instituindo o Mapeamento da Cobertura Vegetal da Bahia.

A atividade permeia um sistema automatizado de gestão florestal, que acompanhará as atividades de desmatamento e de reflorestamento nos três biomas baianos, sendo instrumento de gestão florestal nos termos da Lei no 10.431, de 2006, e do Decreto Estadual no 15.180, de 2014. O estado da Bahia, nos seus quase 600.000 km² de extensão territorial, possui três biomas terrestres, com seus diversos tipos de vegetação nativa: o Cerrado, a Caatinga e a Mata Atlântica.

Segundo a diretora-geral do Inema, Márcia Telles, auxilia o importante e fundamental monitoramento da vegetação nativa. “É necessário acompanhar o processo de uso e ocupação do solo, que resulta em variados tipos de alterações no território e, consequentemente, nos ambientes naturais. Entretanto, os mapeamentos da cobertura vegetal anteriores de nosso estado ou estão em escalas incompatíveis com as atuais necessidades de aplicação da política ambiental ou encontram-se defasados”, afirmou a diretora.

Algumas ações que serão diretamente aprimoradas com o novo mapeamento, por meio da qualificação e consequente celeridade das análises, são as atividades de licenciamento, fiscalização, monitoramento, gestão de unidades de conservação, da biodiversidade e dos recursos hídricos, além servir de insumo para projeção de cenários de expansão de setores econômicos.

Para a realização dos trabalhos foram contratados dois consórcios de empresas especialistas na área: o Consórcio Geobahia, com o valor de R$ 9.336.491,61, que executou o mapeamento da vegetação nativa em todo o estado; e o Consórcio Geo Senografia-Viasat, no valor final de R$ 1.310.077,66, que apoiou a validação dos produtos do mapeamento. Sendo assim, o valor total do investimento por parte do Governo do Estado com os dois contratos foi de R$ 10.646.569,27.

Os produtos estarão disponíveis para a consulta pública por meio do sistema SIGweb Geobahia, no endereço eletrônico: http://novogeobahia.inema.ba.gov.br
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.