• .
  • Cerrado Bahia

Notícias

29/11/2018 13:32

Bahia sedia encontro sobre bacias hidrográficas do NE

A Bahia sediou, nesta quinta-feira (29), o encontro O Brasil que Cuida de suas Águas - Região NE, realizado pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA), no hotel Sol Barra (Salvador), reunindo órgãos regionais, academia, comitês de bacia, técnicos e instituições da sociedade civil de todo o Nordeste. A Secretaria do Meio Ambiente do Estado da Bahia (Sema) e o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema) estiveram presentes para contribuir com as discussões do último ciclo de debates que faz parte do processo participativo de elaboração do Programa Nacional de Revitalização de Bacias Hidrográficas (PNRBH).

“Esta é uma iniciativa do MMA que merece destaque neste momento em que é preciso consolidar políticas estruturantes e continuadas para o Meio Ambiente e Recursos Hídricos no Brasil. Dentro do objetivo de troca de experiências de modelos replicáveis para as bacias do Nordeste, apresentamos algumas frentes de revitalização na Bahia, incluindo o Projeto Cerrado, no Oeste, o Projeto Cachoeira, que revitalizou de forma piloto 150 hectares de nascentes e margens na Bacia do Leste, rio Paraguaçu, além do projeto em andamento no rio Utinga. São projetos isolados, mas que desenham resultados e modelos semelhantes, replicáveis para outras áreas no estado”, disse o secretário Geraldo Reis.

O Programa Nacional de Revitalização de Bacias Hidrográficas tem o objetivo de definir ações de preservação, conservação e recuperação dos rios brasileiros. A sua elaboração, prevista para ser concluída no próximo ano, está a cargo da Secretaria de Recursos Hídricos e Qualidade Ambiental do MMA.

“A gestão das águas demanda uma abordagem abrangente e integrada, como fica evidente na Agenda 2030, especificamente no Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) 6, que visa assegurar a disponibilidade e a gestão sustentável da água”, afirma o secretário de Recursos Hídricos e Qualidade ambiental do MMA, Jair Tannús Júnior.

“Nosso objetivo aqui é colocar luz naquilo que já está acontecendo e debater a água como elemento central do modelo de desenvolvimento, sem o qual não é possível avançar em nenhum aspecto da vida”, comentou o diretor do Departamento de Revitalização de Bacias Hidrográficas e Acesso à Água do MMA, Renato Saraiva, durante a abertura do encontro.

Além do secretário Geraldo Reis e do diretor do MMA, participaram da abertura, Francisco Campelo, superintendente do Ibama em Pernambuco, Athadeu Ferreira, representando a CODEVASF, Rita de Cassia Braga, presidente da CBH Rio de Contas, e Henrique Veigas, coordenador de Revitalização de Bacias do MMA.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.