• Cefir nos municípios
  • Educação Ambiental para a Juventude do Campo
  • .

Notícias

23/11/2017 08:30

Sema prestigia sessão especial em alusão ao Dia da Consciência Negra

Para apresentar uma breve reflexão sobre a juventude negra na contemporaneidade, a Comissão Especial de Promoção da Igualdade da Assembleia Legislativa do Estado (ALBA) realizou na manhã desta quinta – feira (23), sessão especial em alusão ao 20 de novembro, Dia da Consciência Negra. Presidida pelo deputado estadual Bira Coroa, com tema "Protagonismo da Juventude Negra na Luta Contra o Racismo", a iniciativa também trouxe iniciativas que têm contribuído para minimizar o quadro de marginalização de jovens negros. Para Bira Coroa, "a juventude, como categoria socialmente construída, proporciona intensos e enriquecedores debates. Não por se tratar de apenas um estágio da vida, de uma faixa etária ou de um grupo coeso e unitário, mas por representar o conjunto de comportamentos, particularidades e diversidades a ela atribuídos".

Representando o secretário do Meio Ambiente, Geraldo Reis, a chefe de gabinete Iara Icó falou da importância sobre o diálogo que a Sema tem feito com as Comunidades Remanescentes Quilombolas para inserção no Cadastro Ambiental Rural (CAR). “Os povos tradicionais são verdadeiros guardiões das nossas riquezas naturais, e esses territórios de resistência precisam ser preservados para que as gerações futuras também usufruam desse legado ambiental”.

Durante sua participação na sessão, a jovem Ana Paula Rosário, do Instituto Odara, levantou questões, como o aumento da violência contra a mulher negra e a falta de seriedade das instituições públicas em relação aos programas voltados para os jovens.“Temos 54% das mulheres negras sofrendo violência, convivendo com homens misóginos, racistas e machistas, sem falar no alto índice de mortalidade de jovens inocentes nas comunidades”. A militante ainda ressaltou que, “é preciso implementar política pública de politização, porque o que tem sido feito é a política de criminalização”, ressaltou.

Participaram ainda da sessão especial, o secretário estadual de Justiça (SJDHDS), Carlos Martins, Eduardo Machado, da Cipó Comunicação Interativa, Mônica Aragão, da Defensoria Pública do Estado da Bahia, Uiara Lopes, representando a secretaria estadual de Políticas para as Mulheres (SPM), Taís Trindade, representando o Comando Geral da Polícia Militar da Bahia; Luma Nascimento, do Circuito Rolezinho, entre outras representações da esfera pública e da comunidade negra da Bahia.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.