• Cefir nos municípios
  • Educação Ambiental para a Juventude do Campo

Notícias

15/07/2017 17:00

Mais de 5.800 cadastros do CAR foram entregues pelo Governo em América Dourada

O governador Rui Costa e o secretário estadual do Meio Ambiente (Sema), Geraldo Reis, entregaram ontem (14), mais 5.818 certificados do Cadastro Ambiental Rural (CAR), no distrito de Prevenido, em América Dourada, próximo ao município de Irecê. Durante o evento, que mobilizou a população local, prefeitos da região e outras autoridades, agricultores familiares de América Dourada, Cafarnaum, Central, Ibititá, Presidente Dutra e São Gabriel receberam, simbolicamente, os certificados.

O governador Rui Costa aproveitou o encontro com agricultores e autoridades locais para mandar uma mensagem de preocupação com o meio ambiente e a questão hídrica na região. "Me assusta (sic) ver o grau de devastação em algumas regiões da Bahia, onde a terra foi completamente raspada.O preço a se pagar é alto.  A vegetação é o que garante a vida dos rios e a renovação dos recursos hídricos".

Segundo o secretário Geraldo Reis, o CAR, que corresponde na Bahia ao Cadastro Estadual Florestal de Imóveis Rurais (Cefir), é um passo essencial para aprimorar a gestão ambiental do estado. “Com o CAR/Cefir, o Governo terá maior controle sobre as reservas legais e áreas de preservação das propriedades rurais, que são obrigações legais ainda desrespeitadas. O cadastramento é também uma oportunidade para conscientizar os produtores”, explicou. O gestor apontou ainda que “já foram realizados 100 mil cadastros, e seguimos firmes com a meta de 419 mil até o final de 2018”.

No evento, foram entregues 578 cadastros do município de América Dourada, 903 de Cafarnaum, 760 de Central, 1.066de Ibititá, 775 de Presidente Dutra, e 1.736 de São Gabriel.

O coordenador de campo do cadastramento, Marco Luciano Mota, da Fazendas Engenharia, uma das empresas licitadas pela Sema/Inema para o trabalho, explica que “após a mudança da metodologia, foi possível passar a um patamar de cerca de 150 cadastros por dia. Após a mobilização, realizada pela Sema em parceria com os municípios, os agricultores comparecem ao local de atendimento com os documentos, que consistem em algum tipo de documento da terra, identidade, CPF e comprovante de residência”, explica.

“Estamos muito satisfeitos de ver nossos agricultores regularizados, com suas terras certificadas, e sem custos. Foi muito boa nossa experiência, porque a partir do CAR tivemos a possibilidade de conversar com os agricultores, fazer reuniões e palestras sobre a questão ambiental. O cadastro já determina a área que o agricultor deve deixar preservada. Antes, a prática da região era desmatar tudo, deixar a terra totalmente desnuda. Agora está havendo um despertar”, relatou a secretária de Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Ibititá, Mônica Matos.

O Cadastro Ambiental Rural (CAR/CEFIR) está sendo realizado pelo Governo do Estado da Bahia, através da Secretaria do Meio Ambiente (Sema) do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), em contrato de colaboração financeira não reembolsável com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). O valor total do projeto é de R$ 37,2 milhões, sendo 85% dele oriundo do Fundo Amazônia, e 15% de contrapartida financeira do Estado da Bahia.

Durante o evento, o governador Rui Costa também inaugurou a recuperação da estrada de acesso do distrito de Prevenido até a BA-052, e autorizou a Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) a firmar convênio no âmbito do Programa Bahia Produtiva com a Associação de Desenvolvimento Rural e Agropecuário de Prevenido.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.